Faça sua busca
  • segredosdeindigo
    @gmail.com

  • @indigo.ayer

  • @indigo_hoje

  • @indigoescritora

  • /
  • Vida
  • /
  • A declaração de Deucalião
11 de fevereiro de 2014
383 visualizações

A declaração de Deucalião

Para você que chegou agora: desde o comecinho de janeiro estou reproduzindo (em formato de prosa) “Metamorfoses” do poeta Ovídio, acrescentando meus pitacos. Em itálico, as palavras originais. Abaixo, meus comentários.

Deucalião olhou em volta. Tudo desolado, vazio, em silêncio. E as lágrimas escorreram quando ele disse a Pirra:

–              Ó minha esposa, a única mulher agora em toda a terra, minha consorte e minha prima e minha parceira neste caos, olha! De todas essas terras, de leste a oeste, nós dois, apenas nós dois. Compomos a população. O oceano tomou conta de tudo. O apoiou para nossos pés, nosso suporte, é minúsculo. As nuvens, ainda assustadoras. Pobre mulher, bem pelo menos não estamos sozinhos. Mas suponha que estivesse. Como você suportaria seu medo? Quem consolaria seus lamentos? Minha esposa, acredite em mim, se o mar a tivesse levado, eu a teria seguido. Se tivesse poder, restauraria as nações, como meu pai fez. Daria ao barro o sopro da vida. Como está, nós dois somos o que restou da raça humana. Assim os Céus determinaram, amostras de homens. Meros espécimes.

Fica aí uma prova de que desde que o mundo é mundo os homens são desse jeito. Nada como um bom barraco com destruição a destruição total para eles nos valorizarem. Obviamente Deucalião está muito mais apavorado do que Pirra. Prova disse é que ele faz um desabafo desses e ela nem responde. Deve ter acenado com a cabeça e pensado consigo. “Calma, no fim sempre se dá um jeito…” Então deve ter pegado um balde e começado a tão necessária faxina.

 

 
  Compartilhar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Já nas livrarias!!!
Já nas livrarias!!!
21 de junho de 2022
Oficina de Escrita Orgânica em Holambra
Livro novo! Já nas livrarias
Livro novo! Já nas livrarias
4 de agosto de 2021
20 anos de estrada!
20 anos de estrada!
8 de junho de 2021
Casinha para degustação
Casinha para degustação
25 de maio de 2021
Avatar
Índigo em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-05-25 16:01:12
Avatar
Isadora em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-04-27 22:16:04
Avatar
Isadora em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-04-27 22:15:49
Avatar
Índigo em:
Casinha para degustação
2021-06-09 10:00:27
Avatar
Marilda Arrivabene em:
Casinha para degustação
2021-05-31 10:09:34