Faça sua busca
  • segredosdeindigo
    @gmail.com

  • @indigo.ayer

  • @indigo_hoje

  • @indigoescritora

14 de janeiro de 2014
463 visualizações

Idade do Ouro

A Idade do Ouro foi a primeira época em que nutriu por sua própria vontade, justiça e direito; não lei. Nenhuma punição foi necessária. O medo era praticamente desconhecido, e as tábuas de bronze não continham nenhuma ameaça legal. Nenhuma multidão suplicante se apresentava à face dos juízes. Não havia juízes. Não havia necessidade deles. As árvores ainda não haviam sido cortadas e transplantadas, para enfeitar outras plagas. Os homens sentiam-se contentes em seus lares, e não viviam em cidades com fossos e muralhas ao seu redor, e sem trombetas para soar alarmes. Coisas como espadas e capacetes eram completamente desconhecidas. Ninguém precisava de soldados. As pessoas eram pacíficas e tranquilas. Os anos transcorriam em paz. E a Terra, livre de problemas, sem ser ferida pela enxada pu pela relha do arado, produzia tudo o que os homens necessitavam, e esses homens eram felizes, colhendo amoras nas encostas das montanhas, cerejas, framboesas e grãos comestíveis. A primavera era permanente, com uma delicada brisa soprando do oeste, beijando delicadamente as flores que os homens não haviam plantado. E a Terra, sem necessitar de plantio, produzia grãos em abundância. O campo, sem cultivo, transbordava de trigo, e havia rios de leire e rios de mel, e néctares dourados escorriam dos troncos verde-escuros dos carvalhos.

Minha única ressalva é quanto a essa mania de botar rios de leite e rios de mel, sempre que alguém descreve o paraíso. Por que não colocar o mel e leite em embalagens individuais, fechadinho, lacrado, pendendo dos galhos das árvores? Podiam ficar dentro de cocos ou melões. A pessoa furava, enfiava um canudinho e tomava. Ou dentro de uma abóbora, para facilitar a vida dos baixinhos. Acho desleixo deixar o leite e o mel correndo a céu aberto, com risco de juntar mosca, sei lá.

 
  Compartilhar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Já nas livrarias!!!
Já nas livrarias!!!
21 de junho de 2022
Oficina de Escrita Orgânica em Holambra
Livro novo! Já nas livrarias
Livro novo! Já nas livrarias
4 de agosto de 2021
20 anos de estrada!
20 anos de estrada!
8 de junho de 2021
Casinha para degustação
Casinha para degustação
25 de maio de 2021
Avatar
Índigo em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-05-25 16:01:12
Avatar
Isadora em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-04-27 22:16:04
Avatar
Isadora em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-04-27 22:15:49
Avatar
Índigo em:
Casinha para degustação
2021-06-09 10:00:27
Avatar
Marilda Arrivabene em:
Casinha para degustação
2021-05-31 10:09:34