Faça sua busca
  • segredosdeindigo
    @gmail.com

  • @indigo.ayer

  • @indigo_hoje

  • @indigoescritora

27 de fevereiro de 2014
529 visualizações

Io, sim: Io.

Eu, pessoalmente, acho que se a história acabasse aí já estava de bom tamanho. Mas agora vem a prova derradeira de que, desde antes de Cristo as pessoas amam continuações. E se a temporada 2 for igualzinha a temporada 1, apenas com algumas leves modificações, melhor ainda.

Pois bem, passado um tempo, nos bosques de Tessália, Júpiter estava passeando quando avistou Io.

“Avistou quem?”, você pergunta.

Io. Esse era o nome da moça. Ela era muito moderna. Ela também era filha de um rio. E, assim como aconteceu com Apólo d Dafne, Júpter se apaixonou no ato. Ele jogou o chaveco mais velho do mundo. Vou reproduzir as palavras ipsis litteris:

“Ó donzela, digna do amor de Júpiter, capaz de fazer qualquer amante feliz na cama, venha para a sombra destas densas florestas (e apontou-as). Venha até aqui, o sol forte está queimando. Nenhum animal a ferirá, e eu irei com você. Com um deus ao seu lado, você caminhará em segurança na mais escura das florestas. Eu sou um deus, e tampouco uma divindade plebeia, mas aquele que possui o cetro do firmamento, aquele que arremessa trovões. Oh, não fuja de mim!”

Mas, claro, depois de uma dessas, Io já estava correndo feito doida, provavelmente gritando por socorro. Então o que Júpter faz? Ele cobriu a Terra com trevas e a capturou.

Nesse momento, Juno, esposa de Júpiter, olhou lá do alto e se perguntou:

“O que ele está aprontando? Cadê Júpiter? Aí tem coisa!”

Ela desceu à terra e foi atrás do marido. Júpiter, vendo a  mulher se aproximando, transformou Io numa bezerra branca.

Paro por aqui. É muita coisa pra um dia só.

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Já nas livrarias!!!
Já nas livrarias!!!
21 de junho de 2022
Oficina de Escrita Orgânica em Holambra
Livro novo! Já nas livrarias
Livro novo! Já nas livrarias
4 de agosto de 2021
20 anos de estrada!
20 anos de estrada!
8 de junho de 2021
Casinha para degustação
Casinha para degustação
25 de maio de 2021
Avatar
Índigo em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-05-25 16:01:12
Avatar
Isadora em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-04-27 22:16:04
Avatar
Isadora em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-04-27 22:15:49
Avatar
Índigo em:
Casinha para degustação
2021-06-09 10:00:27
Avatar
Marilda Arrivabene em:
Casinha para degustação
2021-05-31 10:09:34