Faça sua busca
  • segredosdeindigo
    @gmail.com

  • @indigo.ayer

  • @indigo_hoje

  • @indigoescritora

30 de setembro de 2013
459 visualizações

Juro que vi

Sábado. Estou no tanque lavando o potinho da Valentina. Avisto uma movimentação estranha perto do abacateiro. No entanto, estou sem óculos. Largo o tanque e me aproximo. Vejo mais claramente e não acredito. Corro para dentro de casa e boto meus óculos. Volto, pé ante pé, ainda não acreditando, mesmo que agora eu esteja vendo nitidamente. São dois macacos. Não são micos, são macacos grandes, com rabos listrados. Eles escalam o abacateiro e pulam… tra lá lá. Eu fico pasma. Em mais de quatro anos nunca vi macacos no meu quintal. Grito pelo marido, mas ele não ouve. Estou me aproximando dos macacos. Um deles olha para a minha cara e vira a bunda para mim. Pula do abacateiro para a mata fechada, do outro lado da cerca. Seu companheiro faz o mesmo. Eu ainda fico parada no lugar esperando que eles voltem para que a gente possa se conhecer melhor. Mas, não. Eles já se foram e eu não sei quando voltarei a vê-los. Fica um vazio.

 
  Compartilhar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Já nas livrarias!!!
Já nas livrarias!!!
21 de junho de 2022
Oficina de Escrita Orgânica em Holambra
Livro novo! Já nas livrarias
Livro novo! Já nas livrarias
4 de agosto de 2021
20 anos de estrada!
20 anos de estrada!
8 de junho de 2021
Casinha para degustação
Casinha para degustação
25 de maio de 2021
Avatar
Índigo em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-05-25 16:01:12
Avatar
Isadora em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-04-27 22:16:04
Avatar
Isadora em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-04-27 22:15:49
Avatar
Índigo em:
Casinha para degustação
2021-06-09 10:00:27
Avatar
Marilda Arrivabene em:
Casinha para degustação
2021-05-31 10:09:34