Faça sua busca
  • segredosdeindigo
    @gmail.com

  • @indigo.ayer

  • @indigo_hoje

  • @indigoescritora

21 de maio de 2014
386 visualizações

Química

Hoje vou fazer uma coisa que demanda coragem e sangue frio. Vou abrir o arquivo de um livro que escrevi e deixei descansando. É como massa de pão. Já tive algumas surpresas desagradáveis, como no dia em que as formigas foram mais rápidas do que eu. Mas também já testemunhei fenômenos fantásticos. Durante o tempo de descanso o pão assou debaixo do sol. Estava quase pronto. Bastou quinze minutos de forno. Ficou com um gostinho solar e energizado. Nunca vou me esquecer do gosto desse pão, pela facilidade e naturalidade. Vamos mentalizar para que com o livro de hoje seja assim. Sem formigas, com influência solar.

 
  Compartilhar

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Já nas livrarias!!!
Já nas livrarias!!!
21 de junho de 2022
Oficina de Escrita Orgânica em Holambra
Livro novo! Já nas livrarias
Livro novo! Já nas livrarias
4 de agosto de 2021
20 anos de estrada!
20 anos de estrada!
8 de junho de 2021
Casinha para degustação
Casinha para degustação
25 de maio de 2021
Avatar
Índigo em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-05-25 16:01:12
Avatar
Isadora em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-04-27 22:16:04
Avatar
Isadora em:
Oficina de Escrita Orgânica. Venham!
2022-04-27 22:15:49
Avatar
Índigo em:
Casinha para degustação
2021-06-09 10:00:27
Avatar
Marilda Arrivabene em:
Casinha para degustação
2021-05-31 10:09:34